terça-feira, 1 de março de 2011

Preta velha



BENEDITA
1-       Figa cruzada, o bem trabalhada

Figa cruzada, o bem trabalhada
Veio da Bahia
Vovó Benedita chegou com sua magia
No seu patuá do Senhor do Bonfim
Ela acredita
Saia engomada e bata rendada
Veste Benedita
Figa cruzada, corpo fechado
É com Benedita
Seus búzios jogados em pano amassado

Ela confia
Curimba marcada em ponto riscado
É sua gira                                                      bis0

No seu patuá do Senhor do Bonfim
Ela acredita
Curimba marcada em ponto riscado
É sua gira                                                       bis

BENEDITA DO CRUZEIRO

1-      Um congá que é uma beleza     

Benedita você tem
Um congá que é uma beleza      bis

Um terreiro enfeitado
Muitos doces sobre a mesa     bis

CATARINA


1-      Vovó Catarina ê, ê

Vovó Catarina ê, ê
Vovó Catarina ê, á
Vovó Catarina vem de Angola
Vovó Catarina ê, á

2-       Ela vem da Aruanda

Vovó Catarina que tem poder
Tem na Umbanda muito haver    bis

Ela vem da Aruanda
Com a fé de Oxalá
Traz arruda e guiné
Pra rezar filhos de fé
CAMBINDA


1-      Cambinda mamanhê,

Cambinda mamanhê,
Cambinda mamanhá
Segura Cambinda que eu quero ver
Filho de pemba não tem querer
 
2-      Cambinda vem lá de Angola

Cambinda, Cambinda vem lá de Angola
Trazendo a sua sacola
Seu rosário e seu patuá
Cambinda vem na Umbanda saravá
Vem trazer para os seus filhos
As bênçãos de Oxalá


 3-       Plantou manacá

Vovó Cambinda plantou manacá
E nasceu uma rosa branca
Pra oferecer à minha filha
À minha filha de Umbanda

CATIRA

1-      Vovó tem sete saias

Vovó tem sete saias
Na última saia tem mironga
Vovó veio de Angola
Pra salvar filhos de Umbanda    bis

Com seu patuá
E a figa de guiné
Vovó veio de Angola
Pra salvar filhos de fé

CATARINA DO CONGO

1-      Que é dona da gira no meu terreiro

Saravá pra Vovó Catarina
Que é dona da gira no meu terreiro
Saravá pra Vovó Catarina
E pra todas as almas do cativeiro
A Vovó Catarina é do Congo, é
A Vovó Catarina é quem faz chá
Pra Vovó Catarina
É quem os filhos de Umbanda
Vão saravar

CATARINA DE ANGOLA
1-       Lá na Angola ê

Lá na Angola ê - bis
Catarina de Angola, Umbanda
É de angolá

CATARINA


1-      Vovó Catarina o dia que vem

Vovó Catarina o dia que vem
A senhora é quem sabe e mais ninguém
Vovó Catarina olha seus filhos no Congá
A senhora é quem sabe e mais ninguém

2-      Saravá pra Vovó Catarina

Saravá prá vovó Catarina
que é dona da gira do meu terreiro
Saravá prá vovó Catarina
e todas as almas do cativeiro                bis

A vovó Catarina do Congo é
A vovó Catarina do Congo está
É prá vovó Catarina
que os filhos de umbanda
vêm sarava                                        bis


3-      Vovó Catarina que tem poder
Vovó Catarina que tem poder
Tem na Umbanda muito haver    bis

Ela vem da aruanda
Com a fé de Oxalá
Traz arruda e guiné
Pra rezar filhos de fé

VOVÓ CHICA

1-      Gira, gira, girou, Vovó Chica chegou

Gira, gira, girou, Vovó Chica chegou
Gira, gira, girou, perto da Chica estou
Vovó Chica é parteira e rezadeira
Com tanta luz, também é curandeira
De mãos postas com devoção
Chica reza com o coração
Gira, gira, girou, Vovó Chica chegou
Gira, gira, girou, perto da Chica estou
Seu tercinho branco está abençoado
Junto do seu peito está guardado
Cristo deu-lhe força e a luz
E, com humildade, agradece a Jesus
Gira, gira, girou, Vovó Chica chegou
Gira, gira, girou, perto da Chica estou

2-       Acabou meu cigarro de palha

Acabou meu cigarro de palha
Vó Chica é quem foi buscar
Rasgou a barra da saia
Pra fazer meu patuá
Demanda com ponto de fogo
Vó Chica sabe desmanchar
Sua Umbanda é pro bem
E todo mal vai levar



VOVÓ DOLORES
1-       Eu fui no canaviá

Eu fui no canaviá
Eu fui lá, eu fui colher cana
Encontrei foi muitas flores
Encontrei Vovó Dolores

VÓ JOAQUINA

1-       Vó Joaquina quando vem de Mina

Vó Joaquina quando vem de Mina
Traz arruda, dendê e guiné                bis

Ela corta mironga ela vence demanda
Ela vem trabalhar- bis

VOVÓ MARIA DE ANGOLA

1-      Saravá Maria de Angola

Saravá Maria de Angola
Preta Velha guerreira
na Quimbanda
Saravá Maria de Angola
Nega benzedeira
Vovó Maria no terreiro
Faz mandinga com arruda e patuá
Dá a sua proteção
E vem seus filhos ajudar

2-      Vestida de branco está Maria de Angola

Vestida de branco está Maria de Angola
Veio trabalhar no congá de Oxalá
Perfuma com arruda e guiné
E no terreiro firma a sua fé
Ela reza pra Jesus, Maria e José
Que firme este terreiro
E não deixe cair filho de fé

É de Angola
Só veste branco
Vovó Maria
No congá firma seu ponto    bis

VOVÓ MARIA DA BAHIA

1-      Vovó Maria, ela veio da Bahia

Vovó Maria, ela veio da Bahia
Ela vem pra trabalhar
Tem licença de Pai Oxalá
Vovó Maria, ela veio da Bahia
Vem trazendo a sua pemba, sua guia
E o rosário da Virgem Maria

VOVÓ MARIA CONGA


1-      É do Cruzeiro das Almas

É do Cruzeiro das Almas
Que vem Maria Conga
Vem para cortar mironga
Pra salvar a quem quiser
Com seu Auá Auacaué...
Pra salvar filhos de fé
Corta mironga, corta demanda

2-      Abre este terreiro

Abre este terreiro
Abre este congá
Chegou Maria Conga
Que vem trabalhar
Saravá Umbanda
Saravá Quimbanda
Saravá quem manda
Saravá você


3-       Maria Conga, com suas folhas de guiné

Maria Conga, com suas folhas de guiné
Seu galhinho de arruda, o seu vence demandas,
Deixa o manacá em flor      - bis   

Vem lá das matas, trabalhar com muito amor
Nesta Umbanda querida vem prestar a caridade
Para a Glória do Senhor - bis
 
VOVÓ MARIA CHICA

1-      Preta Velha que vem no terreiro saravá

Preta Velha que vem no terreiro saravá
Preta Velha que vem no terreiro trabalhar
Ela é Maria Chica de Aruanda
Ela vem neste terreiro saravá
Ela é Maria Chica de Aruanda
Ela vem neste terreiro trabalhar

MÃE JACIRA

1-      Ela vem do mar, ela vem da areia

Ela vem do mar, ela vem da areia
Ela é Preta Velha, de mamãe Sereia
Ela é lavadeira, ela é de Sinhá
Ela é a Mãe Jacira, preta de Yemanjá

VOVÓ JOAQUINA DA BAHIA

1-      Saravá Vovó Joaquina

Saravá Vovó Joaquina
Saravá o seu Congá
Ela vem lá da Aruanda
Ela vem pra trabalhar     bis

Com suas mirongas e seu patuá
Saravá Vovó Joaquina na fé de Oxalá     bis

VOVÓ MARIA

Vovó Maria
Ela vem da Bahia     bis

Ela vem pra trabalhar
Com licença do Pai Oxalá
Vem trazendo sua pemba, a sua guia
Seu rosário da Virgem Maria

MÃE MARIA

1-       Mãe Maria vem das águas do mar

Mãe Maria vem das águas do mar
Trazer a benção da mãe Yemanjá
E com ela vai levar
Toda demanda para o fundo do mar
Pros seus filhos vai deixar
A estrela de Yemanjá
Que brilha com as águas do mar

MÃE MARIA DE MINA

1-      Maria de Mina vem de Aruanda

Mãe Maria de Mina vem de Aruanda
Pra salvar seus filhos, pra vencer demanda     bis

O Preta Velha você não me engana
Amarra a saia com palha de cana
E o cigarro que ela fuma
É de palha de Aruanda

MÃE MARIA DA PRAIA

1-      Ai vem Mãe Maria

Ai vem Mãe Maria
Que vem do lado de lá
Vem pedindo licença a Oxalá
E a grande Sereia do Mar
Ai vem Mãe Maria
Que vem neste congá
Abençoar os filhos de fé
E todo mal levar

MARIA REDONDA

1-      Quem vem lá quem combate demanda

Quem vem lá quem combate demanda
Ela é filha de Congo e Maria Redonda

MARIA SACAMBINA

1-      Lavadeira de Sinhá

Maria Sacambina lavadeira de Sinhá
Lavou roupa de Congo
Não é dela, é de Yemanjá

VOVÓ RITA

1-       Rita chegou no terreiro

Vovó Rita chegou no terreiro
Demandar com feiticeiro             bis

Ela tem mandinga forte
Seu rosário e patuá
Quando chega na lei de Umbanda
Vem na fé de Oxalá                               bis

 TIA MARIA DE MINA

1-      Quem é a preta velha sentada no toco

Quem é a preta velha sentada no toco
Meu Senhor das Almas, me diga quem é?
É Tia Maria de Mina, meu filho
Trabalhando com fé
Trouxe arruda e guiné
Pra benzer filhos de fé

Tia Maria

1-      Foi numa noite de Lua

Foi numa noite de Lua
Que eu vi Tia Maria chegar
Foi numa noite de Lua
Que eu vi Tia Maria chegar

Ela estava tão serena
Sentada em seu Conga
Ela estava tão serena
Sentada em seu Conga

Ê, ê, ê, ê, ê
Ela veio saravar
Ê, ê, ê, ê, ê
Os seus filhos abençoar
Ê, ê, ê, ê, ê
Ela veio saravar
Ê, ê, ê, ê, ê
Os seus filhos abençoar

2-      Quando o galo canta

Quando o galo canta
As almas se levantam
E o mar recua
Os Anjos do Céu dizem amém
Tia Maria diz aleluia

Diz aleluia, diz aleluia
Tia Maria diz aleluia
Diz aleluia, diz aleluia
Tia Maria diz aleluia

 3-      Tia Maria chegou no Congá

Tia Maria chegou no Congá
Galo cantou e eu ouvi uma Coral piar

Segura a Pemba, passa a mão na ferramenta
Pra chamar povo de Umbanda e vamos trabalhar
Segura a Pemba, passa a mão na ferramenta
Pra chamar povo de Umbanda e vamos trabalhar

Tira daqui, meu zinfio, tira de lá
O tocar olha a Pemba
De Pai Oxalá                                            bis

Tia Maria Preta velha da Bahia

Ê Tia Maria, preta velha da Bahia-bis

Segura a barra da saia
Dança na ponta do pé
Quando pega no rosário
Traça Umbanda e Candomblé,
Tia Maria

Ê Tia Maria, preta velha da Bahia-bis

Rezadeira de quebranto
Mal olhado e desencanto
Feiticeira, curandeira
Dobradora de Junqueira, Tia Maria

Ê Tia Maria, preta velha da Bahia-bis

Ninguém segura seu ponto
Sua pemba e muita fé
E quem quiser falar com ela
Ganha figa de guiné, Tia Maria

Nenhum comentário:

Postar um comentário